Dicas Naturais, Remédios Caseiros

Receita Natural

Receita Natural

Plantas e Ervas ajudando em sua Saúde

Pesquisar

Macela: Propriedades Medicinais e Benefícios

A macela (Achyrocline satureioides) é uma erva brasileira e também pode ser chamada de macela-do-campo, macelinha, macela de travesseiro, carrapichinho-de-agulha, camomila nacional, alecrim de parede, chá de lagoa, losua do mato, marcela, marcela da terra, macela galela, paina, etc. É uma planta que chega a até um metro de altura e que floresce no mês de março. Suas flores são amarelas, pequena, e crescem em cachos. Já as folhas da macela são finas, verdes e acinzentadas.

A macela é muito conhecida por ser uma planta própria para chás, com diversas propriedades medicinais. Devido aos flavonoides, tanino, ésteres, óleo essencial e saponinas presentes, o vegetal é um modo muito natural de tratamento. Você conhece esta planta? Hoje iremos falar um pouco mais sobre a macela e analisar suas propriedades medicinais, dentre outros benefícios que pode trazer.

Propriedades e Benefícios da Macela

A macela é uma planta adstringente, antiasmática, antiespasmódica, anti-inflamatória, anti-séptica, bactericida, carminativa, digestiva, sedativa, sudorífera e tônica. Por suas ações digestivas, ela é muito indicada em casos de cálculo biliar, cólicas intestinais, diarreia, disenteria, disfunções gástricas, gastrite e má digestão.

Além de todas estas propriedades medicinais, a macela também pode ser utilizada para clarear os cabelos, estimular a circulação capilar, melhorar a pele e cabelos delicados e prevenir a queda.

A macela, devido às suas substâncias sedativas, ameniza os sintomas de ansiedade. Além disso, regula a menstruação, dores de cabeça, reumatismo e auxilia no tratamento de artrite, pois ela estima a circulação sanguínea. A planta fortalece o sistema imunológico, favorecendo o combate de micro organismos nocivos ao nosso organismo, diminuindo os radicais livres.

A macela tem ação analgésica e relaxante. Ela é usada como remédio natural na medicina terapêutica para eliminar dores e também no tratamento de asma. Sua ação antioxidante aumenta o fluxo de bílis da vesícula biliar, protegendo o fígado de várias doenças.

O melhor de tudo sobre a macela é que ela não é tóxica. Ou seja, caso o tratamento seja feito pela ingestão de chás, pode-se ingeri-lo sem a preocupação de excesso, pois não trará nenhum efeito colateral.

A macela é eficaz no combate contra o câncer

Bom, além de tudo relatado, estudos recentes comprovaram que a macela também tem ação antiviral, imunoestimulante e antitumoral. O extrato das flores da macela inibem o crescimento de células cancerígenas em até 67%, mostrando um ótimo desempenho para ser usada em medicamentos para combater o câncer.

Além de ser um composto nutritivo, a colina presente na macela, advinda do complexo vitamínico B, também é muito utilizada para tratamento de doenças do fígado, Mal de Alzheimer e depressão bipolar. O óleo de macela retarda o o envelhecimento precoce evitando o aparecimento de marcas e expressão e também clareia manchas, além de combater inflamações cutâneas estimulando a renovação celular.

A macela evita a queda de cabelo e clareia os fios capilares. Controla as contrações musculares bruscas e também é usada para tratar epilepsia, reumatismo e impotência e evita a retenção de líquidos. É utilizada para o tratamento de icterícia e equilibra os níveis de colesterol alto. Também combate a nefrite, colecistite, cistite, câimbras e contusões e até dores de dente.

A macela também resolve o problema sério de mal cheiro nos pés. Para resolver o problema basta preparar um chá de macela. Você vai precisar de um litro de água e 30 gramas de flores de macela. Ferva a mistura por 10 minutos, tampe e deixe descansando por mais 10 minutos. Coe e faça compressas nos pés com o chá, de 3 à 4 x ao dia.

O aroma da macela ameniza dores de cabeça, também serve para acalmar o sistema nervoso, prevenindo episódios de insônia. Neste caso, não é indicado tomar o chá e sim, colocar as flores de macela embaixo do travesseiro antes de dormir.

Por ser uma efeito calmante e evitar a retenção de líquidos, a macela contribui para o emagrecimento. Claro que somente a macela não promove o emagrecimento, é necessário um conjunto de dieta saudável e exercícios, o chá da macela funciona como um complemento.

Muitos estudos são feitos para descobrir os efeitos medicinais da macela. E uma destas pesquisas mostrou que a macela reduz de forma significativa o desenvolvimento do vírus HIV, o causador da aids, pois protege o sistema imunológico do nosso corpo evitando que a doença avance rapidamente. Também foi comprovado que a planta reduz o desenvolvimento do vírus que causa a herpes.

Estudos feitos sobre o chá e extrato da macela demonstraram que a planta equilibra a taxa de açúcar no sangue, de forma a auxiliar no controle da diabetes do tipo 2. Porém, os diabéticos também precisam ter cuidado redobrado em relação ao chá de macela porque a bebida possui um efeito hipoglicemiante, ou seja, de diminuir os níveis de açúcar no sangue.

A macela não é indicada para mulheres gestantes pois seu chá estimula a contração uterina e pode ocorrer o sangramento vaginal. Também é expressamente proibida para pessoas que fazem tratamento quimioterápico. Também deve ser evita por pessoas que são alérgicas as propriedades da planta.

O diabéticos devem ter um cuidado extra em tomar a macela. Antes de tudo, seu médico deve ser informado do seu interesse em consumir a planta porque a bebida pode diminuir as taxa de glicose no sangue além do normal para os diabéticos. Principalmente se a pessoa já fizer uso de medicamentos contínuos para tratar a doença.

Receitas e Naturais em seu email