Dicas Naturais, Remédios Caseiros

Receita Natural

Receita Natural

Plantas e Ervas ajudando em sua Saúde

Pesquisar

Gargarejo para dor de garganta

A dor de garganta é muito dolorida e incômoda que atrapalha muito a vida de quem usa a voz para o trabalho. Os episódios mais comuns que causam dor de garganta são: gripe, inflamação nas cordas vocais que deixa a voz rouca e apresenta muita tosse.

Também provoca dor de garganta, a amigdalite que é a inflamação nas amígdalas, a faringite que dificulta falar e engolir, a inflamação na epiglote e na úvula. Todas essas inflamações são causadas por bactérias.

Além da conhecida ação calmante do Maracujá e de seu uso para gastrites e úlceras (veja a receita do chá de maracujá). As flores desta planta ainda pode ser útil para a dor de garganta. Em forma de gargarejo, a maracujá alivia os sintomas da garganta dolorida.

  • Uma xícara de chá de água
  • Duas colheres de sopa de flores picadas

Modo de Preparo: Primeiramente, ferva a água. Depois acrescente as flores de maracujá picadas e deixe descansando, tampado, por cerca de dez minutos. Coe em seguida. Com o líquido morno, faça gargarejos quatro vezes ao dia.

O maracujá é um ótimo remédio natural para inflamação na garganta

O maracujá é um ótimo remédio natural para inflamação na garganta

Outras receitas para garganta

Sal com água morna

  • 01 Colher de sopa de sal
  • 01 Copo de água morna

Modo de preparo: Misture bem a água com o sal faça o gargarejo pelo tempo que conseguir, cuspindo em seguida. Repita este procedimento 2x em seguida.

Porque usar água morna com sal? A temperatura e composição desta mistura é muito parecida com as substâncias do nosso organismo. A água morna faz os vasos sanguíneos dilatarem. E quando a circulação do sangue aumenta, permite que mais glóbulos brancos vão para o tecido afetado, diminuindo a inflamação. O sal juntamente com a água deixa a mistura menos agressiva para o nosso corpo e aumenta a eficácia do muco formado na garganta.

Camomila

O chá da camomila impulsiona o sistema imunológico no combate à infecções e protege a pele com sua ação térmica.

  • 02 Colheres de chá de folhas e flores de camomila
  • 01 Xícara de água fervente

Modo de preparo: Adicione a camomila na água fervente, tampe e deixe descansando por 10 minutos. Coe e faça o gargarejo. Repita por mais de 2x ao dia. Dica: é recomendado fazer o gargarejo sempre com um chá novo.

Contraindicações: Não deve ser consumido por mulheres grávidas pois pode provocar contrações prematuras, por pessoas que sejam alérgicas à camomila e para crianças é recomendado monitoração durante o tratamento.

Bicarbonato de sódio

O gargarejo com bicarbonato de sódio alivia as dores causadas pela amigdalite e limpa a garganta e área da faringe.

  • 01 Colher de chá de bicarbonato de sódio
  • 01 Xícara de água morna

Modo de preparo: Misture bem os ingredientes e faça o gargarejo pelo tempo que conseguir. Repita por 2x seguidas.

Contraindicações: É contraindicado para mulheres grávidas e crianças menores de 2 anos.

Vinagre

O vinagre associado com água morna e sal atua como um poderoso bactericida. Ele age alterando o ambiente ácido que beneficia a proliferação das bactérias e também auxiliar na remoção do muco gerado pela inflamação.

  • 04 Colheres de sopa de vinagre
  • 04 Colheres de sopa de água morna

Modo de preparo: Misture bem o vinagre e a água morna e faça o gargarejo. Repita 2x em seguida.

Contraindicações: O vinagre em altas doses, pode prejudicar o esmalte dos dentes e causar problemas estomacais.

Água oxigenada

Ela funciona como um antisséptico e desinfetante natural, é um agente germicida que mata micro organismos patógenos.

  • 02 Colheres de água oxigenada volume 10
  • 01 Copo de água morna

Modo de preparo: Misture a água oxigenada com a água morna, diluindo bem. Faça o gargarejo pelo tempo que conseguir e repita esse procedimento 2x seguidas.

Contraindicações: É contraindicado para qualquer pessoa que tenha sensibilidade aos componentes da água oxigenada.

Arnica

A arnica é um anti-inflamatório bucal. Também tem propriedade antisséptica e analgésica.

  • 01 Colher de chá de folhas secas de arnica
  • 01 Xícara de chá de água fervente

Modo de preparo: Adicione as folhas de arnica na água fervente. Tampe e deixe descansando por 10 minutos. Coe e faça o gargarejo pelo tempo que conseguir. Repita o procedimento 2x seguidas.

Contraindicações: Não podem consumir a arnica mulheres grávidas ou em período de amamentação e pessoas sensíveis à arnica.

Hortelã com mel

A hortelã é antisséptica e anti-inflamatória e o mel impede a proliferação de micro organismos que podem causar inflamações na garganta.

  • 01 Talo de hortelã
  • 300 ml de água
  • 01 Colher de sopa de mel

Modo de preparo: Adicione o talo de hortelã com as folhas na água e deixe fervendo por alguns minutos. Misture o mel, coe e faça o gargarejo pelo tempo que conseguir. Repita o procedimento 2x seguidas.

Contraindicações: O mel não deve ser utilizada por crianças com menos de 1 ano de idade, por diabéticos, pessoas com tolerância ao mel ou à frutose. A hortelã não deve ser usada por mulheres grávidas ou em período de amamentação e por pessoas que sofrem de refluxo gastroesofágico.

Receitas e Naturais em seu email