Dicas Naturais, Remédios Caseiros

Receita Natural

Receita Natural

Plantas e Ervas ajudando em sua Saúde

Pesquisar

Quais são as Plantas Espontâneas com Potencial Medicinal?

Plantas espontâneas são aquelas que nascem sozinhas em lugares incomuns, como as calçados, muros, terrenos abandonas e até mesmo no quintal da sua casa. Elas podem ser chamadas de ervas-daninhas, mas a verdade é que mal elas não fazem a ninguém e muitas são, inclusive, medicinais e comestíveis.

Apesar do que muitos pensam, estas plantas não são totalmente inúteis. Muitas possuem até mesmo certas propriedades medicinais que podem combater infecções respiratórias, diarreias, infecções urinárias, cólicas, dentre outras doenças e problemas. Por isto, abaixo, conheça algumas dessas plantas e os seus benefícios para a saúde.

Benefícios das plantas espontâneas

Bananeira

Na verdade, essa não é bem uma erva daninha, pois costumamos comer seus frutos. Mas, ainda assim, ela era espontânea. A bananeira nasce por duplicação de si mesmo e onde puder, ela toma conta. Essa planta é rica em proteínas, potássio, vitaminas A, complexo B e C, amido e em serotonina, noradrenalina e dopamina. Ou seja, é uma planta da felicidade.

As folhas da bananeira podem servir como antibióticas, afecções da pele, diarreia e úlceras malignas. A fruta verde pode substituir o amido e pode ser utilizada na fabricação de pães, nhoques, brigadeiros. A flor é usada como tratamento para menorragia e bronquite, assim como o umbigo (ou coração) da ponta do cacho. Esse também pode ser utilizado na culinária, pois é rico em proteínas e em fibras.

O suco do caule é indicado na epilepsia e outras desordens neurológicas. A raiz é usada em tumores e eliminam vermes. Ou seja, não é atoa que seu nome é Musa paradisíaca. Ela é uma planta muito completa.

Capuchinha

Capuchinha

Sabe aquela planta rasteira com folhas redondinhas e uma flor linda que nasceu perto da sua casa sem ninguém plantar, pois é essa planta é rica em vitamina C, ácidos graxos, flavonoides, substâncias bactericidas, ferro, cálcio, potássio, frutose e glicose.

Ela pode ser comida crua em salada, sucos e serve também como chá, já que tem propriedades medicinais para curar afecções urinarias, age como anti-inflamatória e também pode eliminar secreções pulmonares e catarros. Além do mais ela regular a menstruação, auxilia na digestão e na prisão de ventre e ótima para a pele e os cabelos.

Para usar esta planta, utilize 4 colheres de sopa de folhas e flores picadas ou 2 de sementes para 1 litro de água. Ferva a água e deixe em infusão durante 10 minutos, com o recipiente tapado. Filtre e beba de 3 a 4 xícaras de chá ao dia.

Major Gomes

Essa planta possui muito nomes populares diferentes, o seu nome científico é Talinum paniculatum e certamente você já deve ter visto ela por ai. Ela possui na sua composição o ácido fólico, que extremamente importante para o sistema imunológico funcionar bem, também tem mucilagens que amolecem tecidos e desinflamam infecções e é rica em potássio.

Seu principal uso é para tratar hepatites e feridas. Ela é cicatrizante e pode ser utilizada diretamente na região aberta. Também pode ser utilizado como depurativo sanguíneo, tratar debilidades no organismo, infecções intestinais, gastrointestinais e tuberculose pulmonar.

É consuma geralmente em saladas ou em sucos, usa se todas as partes incluindo folhas, flores, sementes e casca da raiz. Os chás normalmente são feito por infusão da folha e sementes. Para usar a Major Gomes, utilize 3 folhas de major gomes frescas para 1 xícara de água. Ferva a água e deixe as folhas em infusão durante 15 minutos com o recipiente tapado. Filtre e beba 3 xícaras ao dia, durante uma semana.

Trapoeraba

Essa planta é muito parecida com uma espécie de pasto ou grama, pode ter uma florzinha azul ou lilás. Sua maior indicação é para tratar a retenção de líquidos, ela é um poderoso diurético, o que faz com que elimine todo o excesso de água e toxinas retidas no organismo. Sendo muito eficaz para a diminuição de inchaços e ajuda a perder peso.

Por contra flavonoides na sua composição ela é um ótimo agente antienvelhecimento. A recomendação na ingestão é por cozimento, refogada ou fritas, as suas flores podem ser agregadas em saladas e sucos.

Utilize 2 colheres de sopa de trapoeraba seca para um litro de água. Ferva a água, coloque as folhas e deixe ferver por 10 minutos. Apague o fogo e tampe a panela, deixe repousar por 15 minutos. Filtre e beba 3 xícaras por dia, durante uma semana.

Essas são apenas algumas das plantas espontâneas comestíveis e medicinais, existem muitas delas que já são bastante utilizadas, como a cavalinha e o dente de leão. Procure se informar sobre as PANCS e descubra uma farmácia gratuita no jardim da sua casa. Verifique as contra indicações das plantas que você consome e preze pelo equilíbrio, evitando excessos.

Receitas e Naturais em seu email