Dicas Naturais, Remédios Caseiros

Receita Natural

Receita Natural

Plantas e Ervas ajudando em sua Saúde

Pesquisar

Quais Chás Servem para Controlar a Ansiedade?

Considerado o mal do século 21, os transtornos de ansiedades atingem cerca de 40% da população mundial. Existe, no entanto, uma diferença entre o transtorno, que é uma doença e precisa de tratamento e acompanhamento profissional e a ansiedade enquanto fenômeno natural, que faz parte das características psíquicas do ser humano e que pode nos beneficiar desde que em circunstâncias normais e reais, impulsionando as pessoas em busca de seus objetivos, o que colocará o organismo, novamente, em estado de equilíbrio.

A ansiedade patológica, por sua vez, tem efeito contrário, tornando o indivíduo inerte e  impedindo reações.
Fisicamente, a ansiedade se manifesta pela excitação em excesso do sistema nervoso central, causando um descontrole físico e emocional em situações que o cérebro classifica como perigosas. A existência real do perigo, ou não, é que vai determinar se a reação é normal ou patológica.

Para um leigo é difícil distinguir entre os dois casos. Sendo assim, em qualquer situação contínua que cause desconforto e ansiedade, que esteja influenciando, alterando ou inibindo a realização de atividades rotineiras, impedindo o indivíduo de concluir tarefas ou colocar em prática seus projetos pessoais ou profissionais, a procura por um profissional médico ou terapeuta é essencial. Também, juntamente aos tratamentos médicos, pode-se usar chás, sobre os quais falaremos abaixo.

Como controlar a ansiedade ?

Tanto a ansiedade quanto os transtornos estão relacionados aos aspectos da vida moderna, e seus sintomas são bem parecidos, portanto o que distingue um estado do outro, é a frequência e as razões reais para a ansiedade. Os principais sintomas da ansiedade são excesso de preocupação com dinheiro, saúde, trabalho ou família, medo incontrolável de objetos ou situações, evidentemente não perigosas, impressão contínua de algo de muito ruim irá acontecer, falta de equilíbrio emocional, desencadeando atitudes involuntárias e falta de controle sobre os próprios pensamentos.

Já os sintomas físicos são inquietação, demonstrada pela incidência de movimentos repetitivos (geralmente com as mãos e pés), insônia, perda do apetite ou alimentação compulsiva, falta de concentração, dor de estômago, falta de ar, tontura e taquicardia.

Geralmente estes sintomas são mais intensos quando a pessoa aguarda, se prepara ou organiza um evento futuro, como por exemplo, vestibular, casamento, nascimento de um filho, entrevista de emprego, dentre outra situações Felizmente, algumas plantas possuem propriedades ansiolíticas, que podem atenuar os sintomas e podem ser utilizadas em situações cotidianas para aliviar a tensão que precede certos acontecimentos, lembrando que os transtornos devem ser tratados por profissionais médicos e terapeutas.

Chá para ansiedade

Chá para ansiedade

Uma receita bem caseira, eficaz e de fácil preparo é o chá por infusão de folhas de maracujá, erva cidreira, também conhecida como capim limão e alecrim. Para variar o cardápio, outra opção seria o chá composto de melissa (erva aromática da família da hortelã) e camomila.

Chá de alecrim, erva cidreira e folhas de maracujá

Ingredientes:

  • 1 colher de chá de folhas de alecrim
  • 1 colher de sopa (rasa) de erva cidreira picada
  • 1 colher de sopa (rasa) de folhas de maracujá picadas
  • 1 xícara de chá de água mineral ou filtrada

Modo de preparo: Ferva a água até o ponto de fervimento. Depois, desligue o fogo, coloque as ervas e espere por cerca de cinco minutos. Depois, coa e beba.

Chá de melissa e camomila

Ingredientes:

  • 01 colher de sopa (rasa) de folhas de melissa picadas
  • 01 colher de sopa (rasa) de camomila

Modo de preparo: Coloque a água para ferver e retire do fogo antes de atingir o ponto de ebulição (quando começa a formar bolhas grandes e evaporar). Adicione todos os ingredientes e tampe o recipiente por aproximadamente  10 minutos. Tome uma xícara 20 minutos antes do horário de dormir.

Mesmo os remédios naturais podem causar reações adversas indesejáveis, portanto, alguns cuidados são necessários. Os ingredientes utilizados na composição das duas receitas, possuem propriedades antidepressivas e calmantes, não devendo ser utilizadas por gestantes, crianças e pessoas com pressão baixa.

Receitas e Naturais em seu email