Dicas Naturais, Remédios Caseiros

Receita Natural

Receita Natural

Plantas e Ervas ajudando em sua Saúde

Pesquisar

3 Melhores Chás para Depressão

O Transtorno Depressivo Maior, comumente conhecido como depressão, é um dos diagnósticos mais sérios da atualidade, sendo responsável pelo crescimento exponencial de casos de suicídio ou tentativas de suicídio em todo o mundo na última década, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS).

A depressão é a doença que mais cresce em todo o mundo. Não é a toa que o século XXI foi batizado como o “Século da Depressão”. As cobranças sociais, a agenda lotada e a obrigação do sucesso e felicidade constantes são alguns dos grandes responsáveis pelo desenvolvimento de boa parte dos diagnósticos mentais e emocionais, entre os quais a depressão está presente.

Neste artigo você conhecerá um pouco mais sobre essa doença e aprenderá quais chás naturais podem auxiliar no tratamento desse diagnóstico, nada fácil para o paciente e para seus familiares. Boa leitura!

Depressão – A doença do século XXI

A depressão é uma doença mental de cunho emocional que altera as funções cerebrais e a frequência da troca de informações entre as sinapses do cérebro, de acordo com uma série de estudos recentes.

O desenvolvimento da depressão é multifatorial. De modo geral, os pacientes com esse diagnóstico possuem uma combinação de aspectos biológicos, hereditários, psicológicos e sociais que facilitam o desenvolvimento da doença.

Entre os sintomas mais comuns da doença, estão a sensação persistente de tristeza acentuada e a ausência de interesse ou prazer, mesmo em atividades que outrora eram agradáveis. A associação desses dois sintomas costumam gerar uma série de outros problemas físicos e comportamentais, tais como:

  • Alterações na rotina de sono, como insônia ou sono excessivo
  • Alteração no apetite, como ausência de desejo pelos alimentos ou ingestão de alimentos excessivamente
  • Redução significativa no nível de energia, ou seja, sentir-se desmotivado e sem ânimo para nada
  • Dificuldades acentuadas para concentrar-se, mesmo em atividades anteriormente simples
  • Redução significativa na autoestima, gerando – algumas vezes – autodepreciação e sentimentos negativos em relação a si próprio
  • Sentimentos acentuados de culpa, mesmo em situações que não há motivos para tal. Esse sintoma costuma despertar, ainda, a sensação de um descontentamento geral com a vida
  • Apesar dos pensamentos suicidas serem um claro – e conhecido – sintoma de depressão, a ausência desse não significa que a doença não esteja presente. Os pensamentos sobre a morte e/ou suicídio apenas se fazem presentes nos casos mais severos de depressão e após a doença estar fortalecida, ocupando espaço significativo na vida do paciente

A depressão é uma doença séria que necessita de acompanhamento psicoterápico com um psicólogo qualificado e acompanhamento medicamentoso, com um médico psiquiatra.

Estudos recentes vêm demonstrando, cada vez mais, a importância de algumas medidas naturais para o tratamento complementar da depressão. Veja, a seguir, os três chás mais indicados para complementar o cuidado com pacientes depressivos e, consequentemente, auxiliar no processo de tratamento.

Chá de erva de São João para tratar a depressão

Chá de erva de São João para tratar a depressão

Chá de erva de São João para tratar a depressão

A erva de São João é uma das plantas mais interessantes quando trata-se de cuidados naturais com transtornos mentais e emocionais, como o caso da depressão.

Alguns estudiosos afirmam que a erva de São João possui propriedades capazes de auxiliar significativamente no tratamento de casos de depressão leves e moderados. Pacientes com quadros severos da doença também podem se beneficiar com a erva de São João, apesar das vantagens apresentarem-se em menor medida.

Estudos produzidos nos últimos 5 anos demonstram que a erva de São João é mais eficaz que placebo e tão eficaz quanto alguns medicamentos antidepressivos para tratamentos de curto prazo. Não é a toa que esse chá está na nossa lista, não é mesmo?

Além da depressão, o chá de erva de São João também é indicado para:

  • Espasmos musculares, como cãibras
  • Mal humor
  • Sintomas de menopausa
  • Dores de cabeça e enxaqueca
  • Hepatite C
  • HIV/Aids

Chá de alecrim para tratar a depressão

Chá de alecrim para tratar depressão

Chá de alecrim para tratar depressão

O chá de alecrim possui uma infinidade de benefícios para a saúde, que vão muito além das vantagens associadas aos transtornos emocionais. Veja os principais casos em que o consumo do chá de alecrim é altamente indicado:

  • Anemia
  • Menstruação insuficiente
  • Problemas de irrigação sanguínea
  • Diabetes
  • Tratamento de problemas associados ao sistema nervoso

O chá de alecrim auxilia no (re)equilíbrio da temperatura do sangue e, consequentemente, atua em todo o corpo humano.

As alterações cerebrais e fisiológicas advindas da depressão causam problemas que vão muito para além dos aspectos psíquicos e emocionais de seus pacientes. Infelizmente, muitos estudos recentes demonstram que todo o corpo de pacientes com depressão sofrem com essa doença, e não apenas suas emoções e pensamentos. Por esse motivo, o chá de alecrim é altamente indicado para aqueles que sofrem com essa doença, uma vez que o equilíbrio fornecido pela erva poderá reduzir vários dos sintomas fisiológicos da depressão.

Chá de erva-cidreira para tratar a depressão

Chá de erva-cidreira para tratar a depressão

Chá de erva-cidreira para tratar a depressão

Assim como nos casos anteriores, a erva-cidreira possui uma infinidade de benefícios para o organismo humano. Por esse motivo, seu chá pode ser consumido para diversos problemas, tais como:

  • Cólicas, inclusive as menstruais
  • Estresse
  • Problemas na rotina de sono, como insônia
  • Nervosismo e ansiedade
  • Sintomas de depressão

A erva-cidreira possui óleos essenciais que combatem a ansiedade, gerando uma leve sensação de calma entre aqueles que o consomem. Sua função calmante é conhecida em todo o mundo, não é a toa que este chá é indicado para aqueles que estão sofrendo com nervosismo, ansiedade e estresses.

As pressões sociais da atualidade fizeram com que esse chá fosse cada vez mais popularizado, em diversos lugares do globo.

Grande parte dos sintomas depressivos estão associados com dificuldades de controlar a ansiedade e as pressões externas. Por esse motivo, o consumo do chá de erva-cidreira pode ser um aliado importante no tratamento complementar dessa doença, cada vez mais comum.

O que achou da nossa listinha? Deixe um comentário e compartilhe conosco sua opinião.

Receitas e Naturais em seu email