Dicas Naturais, Remédios Caseiros

Receita Natural

Receita Natural

Plantas e Ervas ajudando em sua Saúde

Pesquisar

Chá de Boldo-do-Chile – Receita e Benefícios

O boldo está entre as ervas medicinais mais conhecidas aqui no Brasil. Basta aparecer os primeiros sintomas de indigestão para alguém sugerir que seja tomado um chá de boldo. Quem já provou sabe que a mistura é amarga, mas pode, de fato, aliviar alguns problemas. O que nem todo mundo sabe é como distinguir os diferentes tipos de boldo. O boldo-do-chile (Peumus boldus) é difícil de ser encontrado aqui no Brasil, mas pode ser comprado em lojas de produtos naturais.

O chá preparado com o boldo-do-chile é indicado para tratar afecções do fígado, cólicas hepáticas, dores biliares, transtornos gastrointestinais e outros problemas relacionados ao fígado. É importante preparar a infusão corretamente e não exagerar na dose. Veja a receita.

Receita

Ingredientes:

  • 1 colher (sobremesa) de folhas picadas de boldo
  • 1 xícara (chá) de água

Modo de Preparo: O chá pode ser preparado com as folhas frescas ou secas. Lave bem as folhas e pique-as com os dedos em pedaços pequenos. Em seguida, ferva a água e verta sobre as folhas. Abafe a infusão e espere a amornar. Coe, e tome em seguida.

O ideal é beber uma xícara do chá de boldo do chile 30 minutos antes das refeições principais e à noite, ao deitar. Mesmo sendo um pouco amargo, o chá deve ser consumido sem açúcar, mel ou adoçante para preservar suas propriedades.

Saiba como se utiliza o boldo-do-chile.

O boldo-do-chile é uma planta que possui diversas propriedades medicinais. Comumente, é utilizada para problemas digestivos.

Benefícios e como utilizar

O boldo-do-chile é uma das espécies do boldo. A árvore pode chegar a 30 centímetros de altura e as folhas são menores. Existe também o boldo-brasileiro ou boldo-da-terra, que são os que vemos geralmente nos jardins. Estas espécies são arbustos, que têm no máximo 2 metros de altura e as folhas são aveludadas. Existe ainda um tipo de boldo que pode ser muito venenoso, ele é conhecido como tapete-de-oxalá ou falso boldo, e deve ser evitado.

Esta espécie possui o nome científico Peumus boldus. Ela é nativa da parte central do Chile. Se caracteriza por ter um crescimento lento, apesar de sempre ter uma aparência verde e saudável. As comunidades peruanas utilizam o boldo na culinária, como aromatizante e também na medicina.

Os boldos, no geral, se caracterizam por aliviar a digestão e tratar problemas estomacais. Porém, cada espécie do boldo possui as suas particularidades. Por exemplo, o boldo chamado Vernonia condensata é um excelente hepatoprotetor, mas não deve ser tomado como chá. Na verdade, esta espécie é utilizada macerando as folhas frescas com água fria ou gelo.

Quanto ao boldo-do-chile, esta espécie possui propriedades digestivas, hepatoprotetoras, coleréticas e espasmolíticas. Ele pode ser consumido por meio da infusão ou pelas capsulas. Porém, quando se usa as capsulas, o boldo-do-chile perde a potência das suas propriedades.

O boldo-do-chile possui um alcaloide que se chama boldina, e que beneficia o fígado. A boldina incentiva que o fígado trabalhe melhor e desempenhe todas as suas funções de forma eficaz. Assim, quando ocorrem problemas no fígado, ocasionando dores de cabeça, suores e peso gástrico, a boldina ameniza estes sintomas.

Ademais, esta espécie de boldo é recomendada de ser utilizada nos casos que envolvem problemas nas vesículas biliares e pâncreas. Ela trata os processos inflamatórios que ocorrem nestes órgãos. Ainda, com certo cuidado, o boldo-do-chile também pode ser usado para tratar cálculos biliares e hepatite.

Esta espécie de boldo pode ser usada tanto antes das refeições quanto depois. Antes da comida, o boldo prepara o organismo para receber os alimentos, facilitando a digestão. Depois das refeições, a planta pode ser utilizada para amenizar os problemas que podem ser ocasionados por uma alimentação pesada, com muitos ingredientes gordurosos.

O boldo-do-chile possui aroma muito parecido com o do hortelã, algo mais refrescante. Por isso, esta planta pode ser muito utilizada em banhos de imersão, para trazer uma sensação de descanso e relaxamento.

Receitas e Naturais em seu email