Ervas para emagrecer

Os fitoterápicos são remédios elaborados a partir dos extratos de plantas consideradas como medicinais. O uso de plantas no tratamento de doenças é muito antigo e aparece em diferentes sociedades de forma independente. Na China, por exemplo, surgiu cerca de 3.000 anos antes de Cristo, com a descrição dos efeitos terapêuticos do ginseng e da cânfora, pelo imperador Cho-Chin-Kei.

Apesar de muito antigo, apenas nos dias atuais a fitoterapia adquiriu caráter científico, com estudos e pesquisas que comprovam o uso dos extratos de planta na cura de doenças. Em muitos casos, plantas conhecidas tradicionalmente como medicinais não tiveram seu efeito comprovado.

Em outros casos, os fitoterápicos tiveram resultados cientificamente comprovados. E muitos deles podem ser usados na perda de peso e obesidade.

O ganho de peso se justifica por vários fatores: alimentação inadequada, estresse, mau funcionamento hormonal, inflamação, sedentarismo, depressão, entre outros. Nesses casos, o uso de fitoterápicos pode combater um ou mais fatores, colaborando com o emagrecimento.

A maioria das plantas (ou substâncias) abaixo não são tão conhecidas. Prometemos, com o tempo, escrever sobre estas plantas e como utilizá-las eficientemente. As dicas são de A Nutricionista.

Plantas que ajudam a emagrecer

Folhas de cha verde

Folhas de cha verde

  • Chá verde (Camellia Sinensis): estimula a queima de calorias e a oxidação de gorduras, além de funcionar como antioxidante e antiinflamatório.
  • Porangaba (Cordia salicifolia): ajuda na redução do apetite e age como redutor de gorduras localizadas.
  • Garcínia (Garcinia cambogia): acelera a queima de calorias e evita o acúmulo de goduras no sangue. Além disso, diminui o apetite e, principalmente, a compulsão por doces.
  • Gymnema (Gymnema sylvestre): também reduz a vontade de comer doces, porque retarda a absorção do açúcar pelo sangue. O ácido gimênico, componeten da gymnema, acelera o metabolismo, favorecendo a queima de calorias.
  • Caralluma fimbriata: assim como as outras plantas, atua principalmente na redução do apetite, pois funciona como falso mensageiro cerebral de saciedade. Alguns pesquisadores afirmam também que a caralluma tem importante efeito na redução da circunferência da cintura.

Substâncias que ajudam a emagrecer

  • Citrus aurantium: é extraído da laranja amarga e funciona como um ativador natural do metabolismo, pois estimula produção de adrenalina. Além de facilitar a perda de peso, também tem efeitos diuréticos e desintoxicantes.
  • Cassialamina: sua principal função é inibir a digestão de gorduras. Além disso, reduz a pressão sangúinea e os níveis de colesterol.
  • Faseolamina: é uma substância extraída do feijão branco, e age, principalmente, na inibição da absorção de carboidratos, presentes em massas, pães, batatas e arroz.

Cuidados e precauções

  • Os fitoterápicos são remédios e seu uso deve ser prescrito por um profissional;
  • Para haver uma perda de peso saudável, é preciso aliar o uso dos fitoterápicos com uma dieta equilibrada e a prática de exercício físico;
  • O uso dos fitoterápicos não é recomendado à pessoas hipertensas ou com sensibilidade à cafeina;
  • A Anvisa regula a produção de fitoterápicos no Brasil. Por isso, verifique sempre a origem dos remédios fitoterápicos antes de usá-los.

Pesquisar
Pesquisa personalizada
Receitas e Naturais em seu email