Dicas Naturais, Remédios Caseiros

Receita Natural

Receita Natural

Plantas e Ervas ajudando em sua Saúde

Pesquisar

Causas da Infecção Urinária e como evitar

A infecção urinária é um problema muito comum e que afeta muitas pessoas, principalmente as mulheres. Elas são as mais afetadas por uma questão de anatomia: o canal da uretra, por onde é eliminado a urina, é muito mais curto nas mulheres (cerca de 5 centímetros), enquanto nos homens esse canal é bem maior (pode chegar a 22 centímetros). Isso facilita que as bactérias e outros microrganismos entrem pelo canal urinário das mulheres, causando infecções.

A infecção urinária ocorre quando bactérias entram em contato com a bexiga. Essa doença também é chamada de cistite. Os sintomas mais comuns são ardor ao urinar e a vontade de fazer xixi a todo momento, mas sai pouca quantidade de urina quando vai ao banheiro. Em alguns casos, a urina pode vir acompanhada de sangue. Se você está com esses sintomas, deve procurar um médico imediatamente.

Mas também é muito importante saber quais são as possíveis causas da infecção urinária e como evitá-la.

Causas da infecção urinária

A cistite pode ter diversas causas diferentes, por isso é importante saber quais são para evitar a doença.

Muitas pessoas nem imaginam, mas a obesidade pode ser causadora desse tipo de infecção. É uma causa indireta, mas que pode sim facilitar a doença. Como os obesos são cheios de “dobras”, a higiene da região íntima pode ficar mais difícil, o que facilita a proliferação de bactérias. Mas atenção! O excesso de limpeza também pode ser prejudicial. A região íntima precisa ser lavada uma vez por dia, ou duas, se for necessário. Mais que isso já é exagero e pode acabar com a flora natural da região.

Outro fator muito comum que pode levar à infecção de urina é ficar segurando a vontade de fazer xixi. Isso é muito comum em crianças e adultos. As crianças, por não quererem parar as brincadeiras, e os adultos por estarem ocupados demais para ir ao banheiro. Se você é dessas pessoas que segura até o limite para ir ao banheiro, saiba que corre risco de adquirir uma cistite. A urina que fica parada por muito tempo na bexiga é o local ideal para a proliferação das bactérias.

O ato de fazer xixi funciona como uma limpeza no canal da urina, eliminando microrganismos invasores. Também é recomendado ir ao banheiro logo após o ato sexual. Assim você elimina bactérias que possam ter entrado pelo canal vaginal durante a relação.

A diabetes é outra doença que pode levar a uma infecção urinária. Ela reduz as defesas do organismo, deixando-o mais susceptível a outras doenças. O mesmo ocorre com a Aids e com pessoas que usam certos medicamentos, como os que são utilizados no tratamento do lúpus, por exemplo.

Uma causa muito comum da infecção de urina é a prisão de ventre. Quem passa muitos dias sem evacuar acaba com muitas bactérias presas no intestino. Como nas mulheres a uretra é bem pequena, como falamos no início, é fácil esses microrganismos passarem para a vagina, atingindo a bexiga. A Escherichia coli é uma das bactérias mais comuns no trato intestinal. Lá elas não fazem mal algum, mas se passam para o sistema urinário pode causar problemas.

O cálculo renal, mais conhecido como pedra nos rins, é causado por uma bactéria. Esta bactéria pode interferir na acidez da urina e também pode ser responsável por causar a cistite.

Beber bastante água é uma das formas de se evitar a infecção urinária

Como evitar a infecção urinária

Agora que você já sabe algumas das causas da infecção urinária, fica mais fácil evitar essa doença. A primeira dica é beber muita água, assim você aumenta a quantidade de urina a ser expelida, limpando sempre a via urinária. E não segure a vontade de fazer xixi. Assim que sentir vontade, vá ao banheiro. Outra dica básica é manter uma boa higiene da região íntima, inclusive lavando o local após as relações sexuais.

E se você tem alguma das doenças citadas acima, como diabetes, pedra nos rins, prisão de ventre ou obesidade, trate esse problema para evitar a cistite.

As mulheres que sofrem com esse problema com muita frequência, especialmente causado pela Escherichia coli, podem ainda recorrer a vacinas e antibióticos preventivos. Essas medidas são adotadas em casos mais graves, e somente com a prescrição de um médico.

Mais Receitas e Dicas Naturais

Receitas e Naturais em seu email