Dicas Naturais, Remédios Caseiros

Receita Natural

Receita Natural

Plantas e Ervas ajudando em sua Saúde

Pesquisar

Sobre Chás Abortivos

É comum recebermos pessoas que chegam ao site ou mensagens diretas solicitando receitas de chás abortivos. Não estamos autorizados a fazer prescrições, sobretudo, porque aborto é uma prática da qual não endossamos.

Os chás e plantas medicinais sempre foram usados para diversos fins. Nas sociedades mais primitivas, era comum o uso de ervas que, em tese, serviam como um anticoncepcional natural. Além disso, remédios naturais também eram usados para provocar o aborto em casos de gravidez indesejada.

Hoje em dia, é muito comum vermos na internet pessoas procurando por receitas abortivas. No entanto, é sempre válido lembrar que a prática do aborto é considerada crime no Brasil e, o mais importante, essas tentativas podem prejudicar tanto a vida da mãe quanto a do feto.

Existem Chás Abortivos?

Buchinha do Norte

A buchinha é altamente tóxica e não deve ser ingerida

Alguns chás são considerados abortivos. É o caso, por exemplo, do chá de canela, do chá de carqueja e da buchinha do norte. Essas ervas costumam elevar a pressão arterial, provocar contrações uterinas e hemorragias ou causar outros efeitos que podem interferir na gestação.

No entanto, é necessário fazer uma distinção. Essas ervas, de acordo com estudos científicos, podem levar ao aborto espontâneo. Não há certeza em relação a esse efeito. Ele pode ocorrer ou não. Então, é sempre importante alertar as grávidas para que evitem o consumo dessas plantas.

Dessa forma, o mais correto seria dizer que há a possibilidade de aborto com a ingestão dos chás, mas eles não são necessariamente abortivos. Em outras palavras, alguém que quer provocar um aborto propositalmente corre o risco de causar danos à saúde sem conseguir o efeito desejado.

Muito Cuidado

Diante de tudo isso, fazemos um alerta: todo cuidado é pouco em relação aos chás, principalmente os chamados de abortivos. Todos os medicamentos, naturais ou não, podem trazer algum tipo de risco para a saúde. Nesse caso, o risco pode ser ainda maior, porque estamos tratando de duas vidas, a da mãe e a do feto.

O intuito desse artigo é alertar as grávidas sobre o risco que correm tomando esses chás, jamais induzir uma gestante a ingeri-los.

A melhor maneira de evitar uma gravidez indesejada são os método contraceptivos: camisinha, pílula, DIU e outros. Não se arrisque recorrendo a métodos alternativos para interromper a gestação. Procure auxilio médico ou psicológico para encontrar a melhor saída. Uma gravidez fora de hora pode parecer o fim do mundo no início, mas depois tudo se ajeita!

Faça o pré-natal e procure formas de ter uma gravidez tranquila e saudável. Alguns chás podem ser tomados, sem que prejudique o feto ou a saúde da gestante. Fale com seu médico sobre o que deve ser evitado durante a gravidez e o que pode continuar na sua rotina. Uma gestação saudável pode garantir mais saúde para seu bebê após o nascimento e durante os primeiros anos de vida.

Mais Receitas e Dicas Naturais

Receitas e Naturais em seu email