Dicas Naturais, Remédios Caseiros

Receita Natural

Receita Natural

Plantas e Ervas ajudando em sua Saúde

Pesquisar

Chás para Retenção de Líquidos

Diferentemente do que muitas pessoas pensam, aquela dificuldade para fechar o zíper da calça nem sempre é um problema de quilos a mais. Em várias situações, esse aumento de medidas é causado pela retenção de líquidos pelo organismo e não pelo excesso de gordura. Por isso, o uso de chás e sucos diuréticos juntamente com a dieta costuma ajudar a diminuir a sensação de inchaço.

O nosso organismo é dotado de um sistema conhecido como linfático. A função desse sistema é transportar, filtrar e eliminar toxinas e outros resíduos que podem fazer malo corpo humano. Para isso, ele é composto de vasos que se espalham pelo tronco e membros.

Se há algum problemas nos capilares linfáticos, como o estreitamente ou o entupimento, o processo de eliminação de toxinas fica prejudicado. Então o corpo vai retendo líquidos e impurezas, causando inchaços em várias partes, sobretudo na barriga, nos braços, na pernas, mãos, pés e tornozelos.

Sintomas da Retenção Hídrica

O principal sintoma da retenção hídrica é o inchaço.

Muitas vezes, esse processo é tão comum que nos acostumamos com o corpo mais volumoso, ficando difícil perceber que há um problema. Uma das maneiras mais simples de confirmar que há retenção é apertar o local que parece inchado. Caso se forme uma mancha branca ou a pele pareça mais funda, demorando a voltar ao normal, é muito provável que você esteja retendo líquidos.

As mulheres são as principais vítimas do mal funcionamento do sistema linfático, principalmente durante a TPM ou na gravidez. Os homens, com menos frequência, também apresentam o problema.

A Retenção de Líquidos Engorda ou Aumenta o Peso?

O ganho de peso real por causa da retenção de líquidos não é muito grande. De um modo geral, a pessoa irá perder de 2 a 3 quilos se adotar medidas para contornar o problema, seja por meio de massagens, de dieta ou de outros tratamentos.

Além desses quilos a mais causados pelo acúmulo de toxinas, há também o inchaço, que leva ao aumento de medidas. Usando uma fita métrica, é possível observar a diferença após adotar uma dieta balanceada. Várias pessoas conseguem reduzir o número da roupa em pouco tempo apenas combatendo a retenção de líquidos. As dicas que daremos a seguir são ideais se você quer desinchar e reduzir a circunferência abdominal.

Retenção

O inchaço na região abdominal é um dos sinais da retenção de líquidos

Como Evitar a Retenção

Várias medidas simples podem ajudar muitíssimo a combater a retenção de líquidos. Movimentar o corpo em atividades físicas leves e prazerosas é fundamental, porque os músculos em movimento pressionam os vasos linfáticos fazendo com que a linfa seja transportada mais facilmente. Por outro lado, quem é muito sedentário tende a ter mais problemas de circulação e, consequentemente, inchaços em várias partes do corpo.

Outra mudança que faz diferença é a redução no consumo de sal e temperos industrializados. O vilão, nesse caso, é o sódio. O mineral sobrecarrega o organismo, que precisa se esforçar para eliminá-lo. Enquanto o sódio está presente, a retenção hídrica ocorre levando aos inchaços. O ideal é substituir alimentos ricos em sódio por versões mais saudáveis.

Beber muita água também é importante, porque é ela que ajuda os rins a filtrarem adequadamente todas as toxinas. Por mais estranho que pareça, é preciso tomar água em grande quantidade para acabar com a retenção de líquidos.

Além da água, todos nós devemos nos preocupar com a alimentação. Comidas gordurosas e cheias de substâncias nocivas são bastante prejudiciais para o sistema linfático. Com uma dieta mais balanceada, fica mais fácil impedir a retenção de líquidos e os inchaços causados por ela. Muita gente ignora, mas existe uma relação entre prisão de ventre e a retenção hídrica. O intestino preguiçoso está associada ao acúmulo de líquidos, sendo que ambos podem deixar a barriga mais inchada. Por isso, comer bem é também importante para atenuar esses problemas.

Remédios Naturais para a Retenção

Diversas receitas caseiras são indicadas para acabar com a retenção. Geralmente, elas são feitas com ingredientes que estimulam a eliminação de toxinas, diminuindo, assim, o inchaço. Veja algumas receitas de chás para aliviar a retenção hídrica:

Chá de Espinheira-Santa

A espinheira santa é ótima para a desintoxicação do organismo. Ela melhora o sistema linfático e a filtragem das toxinas pelo rim, trazendo bons resultados em pouco tempo de uso. Para fazer o chá você vai precisar de:

  • 2 xícaras (chá) de água filtrada
  • 1 colher (sopa) de folhas secas de espinheira santa
  • 3 colheres (sopa) de mel

Primeiramente, leve a água ao fogo e espere ferver. Depois que formarem as primeiras borbulhas, desligue e acrescente as folhas de espinheira santa. Abafe o chá e deixe descansar por 7 minutos. Após esse tempo, coe e adoce com o mel. O ideal é tomar 2 xícaras do chá por dia, de manhã e no fim da tarde.

Chá de Erva Doce

Outra planta excelente para quem sofre com a retenção de líquidos é a erva doce. Ela tem função diurética, tornando a eliminação de resíduos mais fácil. Os ingredientes do chá são:

  • 1 xícara (chá) de água filtrada
  • 1 colher (chá) de sementes secas de erva doce

Junte a água e as semente de erva doce em uma chaleira. Leve a mistura para cozinhar e quando começar a ferver abaixe o fogo. Aguarde 5 minutos, desligue abafe por 10 minutos. Então coe e tome morno ou frio de 2 a 3 vezes por dia.

Chá de Cavalinha

Além de servir para a retenção de líquidos, a cavalinha também pode ser usada em compressas para cicatrizar ferimentos e espinhas. O chá é feito de forma simples:

  • 3 colheres (sopa) de talos de cavalinha
  •  litro de água filtrada

Para fazer o chá, leve os dois ingredientes ao fogo e desligue quando começar a ferver. Espere amornar, coe e guarde em uma garrafa com tampa. A dica é tomar pequenas porções do chá durante todo o dia, sempre que você se lembrar.

Chá de Cavalinha

O chá de cavalinha é uma ótima opção para desinchar

Chá de Salsinha

A salsinha, tão utilizada na culinária, é um poderoso diurético natural. Seus benefícios podem ser obtidos tanto por meio da alimentação, quanto no preparo de chás. Se você sofre com a retenção de líquidos, vale a pena apostar na combinação da salsinha com a erva doce. Os ingredientes são:

  • 2 colheres (sopa) de folhas de salsinha frescas
  • 1 colher (sopa) de sementes secas de erva doce
  • 1 litro de água filtrada

Lave bem a salsinha e mantenha parte dos talos. Se tiver a planta em casa, use também um pouco das raízes, que contêm várias propriedades benéficas. Coloque a salsinha, a erva doce e a água em uma chaleira, leve para ferver e desligue quando surgirem as primeiras bolhas. Depois que amornar, coe e reserve para tomar durante o dia. A posologia é de 1 xícara do chá a cada 6 horas, até que o inchaço diminua.

Chá de Chapéu de Couro

O chapéu de couro é uma planta do cerrado repleta de benefícios para a saúde. Assim como as outras ervas mencionadas, ele também é capaz de estimular o bom funcionamento do sistema linfático e, por isso, diminuir a retenção hídrica. Veja as quantidades necessárias para o preparo do chá:

  • 1 colher (chá) de folhas secas de chapéu de couro
  • 1 xícara (chá) de água fervente

Primeiramente, ferva a água em uma chaleira. Enquanto isso, coloque as folhas de chapeu de couro em uma xícara vazia. Despeje a água fervente sobre a erva, tampe com um pires e mantenha abafado por 10 minutos. Após esse tempo coe e tome a quantidade preparada antes de dormir todos os dias.

Alguns Cuidados

  • O consumo da espinheira-santa não é recomendado a gestantes, lactantes e crianças menores de 6 anos;
  • O excesso de erva-doce pode causar reações ao organismo. Por isso, é fundamental seguir as recomendações e não exagerar nas quantidades;
  • O chá de cavalinha não pode ser tomado durante mais de 5 dias consecutivos e deve ser evitado por mulheres grávidas;
  • Pessoas que sofrem com problemas renais devem evitar o consumo de salsinha. A planta também não pode ser consumida por gestantes;
  • Se você está grávida, o inchaço deve ser discutido com o médico responsável pelo pré-natal. Jamais tome chás ou remédios caseiros sem que o conhecimento do especialista, pois isso pode fazer mal para o bebê;
  • Antes de menstruar, beba muita água, evite o álcool e reduza a quantidade de sal na alimentação. Essas medidas vão reduzir o inchaço típico do período pré-menstrual;
  • Ao observar inchaços no corpo, vale a pena procurar um médico pois eles podem ser sintomas de outras doenças.

Mais Receitas e Dicas Naturais

Receitas e Naturais em seu email