Dicas Naturais, Remédios Caseiros

Receita Natural

Receita Natural

Plantas e Ervas ajudando em sua Saúde

Pesquisar

Propriedades Medicinais: adstringente, antisséptica, aperiente e béquica

As plantas e ervas medicinais possuem propriedades especiais, conforme as substâncias que encontramos nelas. Isso quer dizer que elas podem ter diferentes funções em nosso organismo. Conhecer essas propriedades é importante para sabermos qual é a planta mais adequada para o tratamento de determinado problema. Se você quer uma erva para combater a febre, por exemplo, deve procurar por plantas com função febrífuga, ou seja, uma planta que combate a febre. A palavra é complicada, mas a explicação é fácil de entender.

Por isso, preparamos uma lista com essas propriedades e a definição de cada uma delas. A lista funciona como uma espécie de glossário, para você conhecer as diferentes funções das plantas e alguns exemplos.

Plantas Adstringentes

As plantas adstringentes são aquelas que ajudam a contrair os tecidos e órgãos do corpo. Por isso, são capazes de reduzir as secreções excessivas e preservar a umidade natural desses tecidos. Em geral, as ervas adstringentes são usadas para o tratamento de infecções da pele e mucosas, como é o caso da boca, garganta, intestinos e órgãos genitais. Elas podem reduzir os sangramentos, acabar com a diarreia e cicatrizar a pele. Entre as ervas adstringentes mais conhecidas estão o açafrão e o confrei (acesse os links para saber mais sobre estas plantas).

Confrei

Confrei: erva com propriedade adstringente

Plantas Antissépticas

As plantas antissépticas são aquelas que têm função desinfetante. Isso quer dizer que elas combatem os germes que podem causar danos à saúde do organismo. Elas podem ser usadas para desinfetar feridas ou tecidos internos. O eucalipto, por exemplo, funciona como antisséptico para as vias respiratórias. É muito utilizado no tratamento de doenças respiratórias, como asma e bronquite.

Plantas Aperientes

As ervas aperientes são aquelas que aumentam ou despertam o apetite. Elas também ajudam o organismo a se preparar para a digestão, produzindo mais saliva e suco gástrico para receber os alimentos. Entre as ervas aperientes, encontramos a canela, o anis, o coentro e cominho, por  exemplo. São muito usadas como temperos e especiarias. São indicadas para pessoas que estão com pouca fome, especialmente devido a alguma doença.

As plantas com propriedades aperientes também abrem os poros, facilitando limpezas de pele.

Plantas Béquicas

São aquelas que atuam nas irritações da faringe. Por esse motivo, as plantas béquicas são aconselhadas para casos de tosse e dores de garganta causadas por irritação dos tubos respiratórios. O tomilho, o serpão e o pinheiro-bravo são exemplos de ervas com função béquica. O mel também é considerado um excelente alimento com propriedades béquicas. Exatamente por isso ele está presente em muitas receitas caseiras para tratar a tosse e irritações na garganta.

Observação: É sempre bom lembrar que antes de usar qualquer tipo de planta medicinal, independente das suas propriedades, é importante consultar um médico, se possível um médico especialista em fitoterapia, que está melhor qualificado para indicar ervas que curam.

Receitas e Naturais em seu email