Dicas Naturais, Remédios Caseiros

Receita Natural

Receita Natural

Plantas e Ervas ajudando em sua Saúde

Pesquisar

Chá de Pariparoba

O fígado é o órgão responsável pela desintoxicação do organismo. Ele elimina e neutraliza substâncias presentes no organismo que podem nos fazer mal.  Por isso, é muito importante cuidar do fígado adequadamente. Vários problemas indicam que ele não está funcionando bem, como: cálculos biliares, cirrose hepática e icterícia.

Uma boa alimentação ajuda muito a evitar esses males. A ingestão de frutas, verduras e peixes é a melhor maneira de consumir vitamina B12 e ácido fólico, que são benéficos para o fígado. Evitar alimentos muitos gordurosos também é essencial, assim como evitar o consumo de álcool e cafeína.

O chá de pariparoba (acesse para saber mais sobre a planta) é outra opção para quem quer estimular o bom funcionamento do fígado. A dica é preparar o chá conforme o indicado abaixo e seguir as instruções de consumo. Leia atentamento as “precauções” para evitar possíveis problemas.

Pariparoba

Pariparoba

Você vai precisar de:

  • 1 colher (sobremesa) com folhas de pariparoba picadas
  • 1 xícara (chá) de água

Modo de Preparo:

Coloque a água em um recipiente de vidro (ou outro material que não seja de alumínio). Leve para ferver e desligue assim que formarem as primeiras bolhas no fundo do recipiente. Então acrescente as folhas picadas da pariparoba. Mantenha o chá abafado por 10 minutos. Depois coe e reserve para consumir conforme as instruções abaixo.

Posologia

Para que o chá de pariparoba possa proteger o seu fígado, o ideal é consumir a receita duas vezes ao dia: uma pela manhã em jejum e outra 30 minutos antes do almoço. O chá pode ser consumido morno ou frio. Se quiser, você pode dobrar a receita e já deixar as duas porções preparadas para o consumo.

Precauções

O chá de pariparoba não é indicado para mulheres grávidas ou em período de lactação. Em excesso, a erva pode causar efeitos opostos aos esperados. Por isso, é fundamental seguir as orientações de preparo e não exagerar na dose. Lembre-se também de observar com atenção se a erva usada é realmente a pariparoba, para não haver problemas inesperados. Se houver qualquer reação, procure imediatamente um médico.

Mais Receitas e Dicas Naturais

Receitas e Naturais em seu email