Dicas Naturais, Remédios Caseiros

Receita Natural

Receita Natural

Plantas e Ervas ajudando em sua Saúde

Pesquisar

Chá de Jambolão

A Syzygium jambolana, mais conhecida como jambolão, também é chamada popularmente de jamelão, brinco de viúva e guapê. A árvore, vinda do Sul da Ásia, é bastante comum aqui no Brasil. Ela pertence à mesma família biológica da goiaba e da pitanga e pode chegar a 10 metros de altura. Os frutos tem coloração roxo escura, quase preta, e podem ser consumidos quando maduros. Eles são usados no preparo de vinhos, sucos e geleias, além do consumo in natura.

Na medicina popular, o jambolão é tido como adstringente, antioxidante, antiviral, bactericida, antialérgico, anti-inflamatório e diurético. O chá, preparado com as sementes do fruto, é bastante usado para tratar a prisão de ventre, os gases, alguns problemas estomacais e do pâncreas, além das disfunções nervosas. Veja como fazer a receita em casa para aproveitar todos esses benefícios naturais.

Jambolão

Jambolão

Você vai precisar de:

  • 2 colheres (chá) de sementes de jambolão
  • 1 copo (200 ml) de água filtrada

Modo de Preparo:

Antes de fazer o chá propriamente dito, macere as sementes do jambolão com um pilão ou com o cabo de uma colher de pau. Depois que elas estiverem bem trituradas, coloque-as em uma caneca de cerâmica. Leve a água para ferver em um recipiente que não seja de alumínio. Assim que levantar fervura, desligue e verta a água sobre as sementes maceradas. Tampe com um pires e mantenha descansando por cerca de 10 minutos. Após esse tempo, coe e consuma em seguida.

Posologia

A posologia indicada para obtenção dos benefícios acima é de 2 a 3 xícaras do chá de jambolão por dia. Ele deve ser tomado morno ou frio, sem açúcar, mel ou adoçante. O chá nunca deve ser aproveitado de um dia para o outro para não perder suas propriedades ativas.

Precauções

Assim como outros chás, o chá de jambolão deve ser consumido com acompanhamento de um médico ou especialista. De acordo com as fontes consultadas, não existem contraindicações se o preparo for adequado e não houver exagero nas quantidades diárias ingeridas. Ainda assim, enfatizamos que grávidas, crianças, idoso e pessoas que sofrem com doenças crônicas têm o organismo mais sensível e, por isso, devem sempre ouvir a opinião de um médico antes de fazer uso de qualquer tratamento natural.

Receitas e Naturais em seu email