Dicas Naturais, Remédios Caseiros

Receita Natural

Receita Natural

Plantas e Ervas ajudando em sua Saúde

Pesquisar

Pimenta do Reino Faz Mal? Conheça os Benefícios e Propriedades

A pimenta-do-reino é uma das mais utilizadas aqui no Brasil, mas seu consumo é cercado por certas polêmicas. Muita gente acredita que esta pimenta não faz bem para o organismo. Segundo alguns boatos, ela poderia elevar a pressão, causar hemorroidas e agravar problemas estomacais. Será que o que se diz por aí é verdade? Pensando nisso, fomos investigar as principais propriedades da pimenta-do-reino.

Originária da Índia, a pimenta-do-reino se divide em quatro tipos: a branca, a verde, rosa e a preta. Não existem diferenças consideráveis em relação às propriedades dessas opções. Elas contém, de um modo geral, boa quantidade de antioxidantes, vitaminas e outras substâncias importantes para o organismo.

Pimenta do reino

Os quatro tipos de pimenta do reino

Pimenta do reino faz mal à saúde?

O que explica o possível efeito nocivo da pimenta é seu sabor ardido. De acordo com especialistas, os componentes responsáveis pelo ardor podem ser irritantes para as mucosas do intestino e do estômago. Por isso, pessoas que já têm problemas como gastrite, diverticulite e úlcera devem evitar o uso da pimenta, principalmente em excesso.

Porém, fora essa recomendação, o consumo da pimenta-do-reino não é prejudicial. O ideal é evitar os exageros para que os componentes da pimenta não se tornem agressivos para o organismo. Em quantidades moderadas, a ingestão da pimenta não só é aceita como também é tida como bastante benéfica para o corpo humano.

Benefícios e Propriedades

A ação benéfica da pimenta-do-reino já é conhecida há vários séculos e vem sendo estudada pelos cientistas. Por conter um alto teor de antioxidantes, ela é considerada como anti-inflamatória. Além disso, também tem efeito analgésico, antisséptico, diurético e laxante.

Seu consumo pode ajudar a aliviar os sintomas da sinusite, bem como a congestão nasal. Com relação a digestão, pode combater os gases e melhorar o processo de quebra dos nutrientes presentes nos alimentos. Por ser anti-inflatória, a pimenta ainda melhorar a artrite e as dores reumáticas.

Em termos nutricionais, podemos dizer a pimenta é fonte de sais minerais como cálcio, ferro, manganês, potássio e magnésio. Ela também contém vitaminas C e K, que fortalecem as defesas do organismo e melhoram a coagulação sanguínea.

O óleo essencial extraído da pimenta pode ser usado para atenuar dores no corpo e estimular o funcionamento do sistema endócrino. Acredita-se ainda que ele possa combater a tosse, a bronquite, a asma e outros problemas respiratório.

Usos e Receitas:

Para aliviar a tosse – faça uma mistura com 1 colher (chá) de pimenta do reino preta moída, 1 colher (chá) de mel puro e 1 colher (sopa) de suco de gengibre. Tome a mistura de 2 em 2 horas enquanto durar a tosse.

Para combater a asma – misture 1 colher (chá) de pimenta do reino preta moída com 1 colher (chá) de pimenta caiena desidratada e 1 colher (chá) de gengibre em pó. Na hora de consumir, adicione 1 colher (sopa) de mel e tome 2 vezes ao dia.

Para descongestionar o nariz – faça uma mistura com pimenta do reino, canela e cominho e cheire quando o nariz estiver entupido.

Para atrite – misture 1 parte de óleo essencial de pimenta do reino com 1 parte de óleo de amêndoas e massageie as regiões mais doloridas.

Mais Receitas e Dicas Naturais

Receitas e Naturais em seu email